10 de out de 2016

Fui muito machucada por pessoas preconceituosas


Depoimento de Dayane Noronha, paciente da Central Salvador/Bahia






































Me chamo Dayane Passos Noronha, fui operada no dia 18.02.2015, na cidade de Salvador/Bahia. Quando operei estava com 138,6 kg. Hoje, 1 ano e 08 meses depois, estou com 78 kg.

O que mais mudou com a realização da cirurgia bariátrica foi a minha saúde e minha autoestima. Ambas estavam deterioradas com o excesso de peso. Sofria com a hipertensão, minha glicemia estava no limite. Já estava pensando até em pôr fim em minha vida, pois fui muito machucada por pessoas preconceituosas e que não sabem o sofrimento que um obeso carrega.


Indicaria sim a cirurgia para pessoas que estão em busca de qualidade de vida. Não é somente estética. Isso é consequência. Lógico que é bom ser elogiada, poder escolher uma peça de roupa na vitrine de uma loja ou o simples desenvolver de uma tarefa doméstica. Indico sim a cirurgia. Continuo na luta. Agradeço a oportunidade de dar meu depoimento.

Nenhum comentário: